Global Palestras - Palestras, Palestrantes, Mestre de Cerimônia, Celebridades, Presença VIP, Palestrantes Renomados, Palestras Motivacionais, Cases de Sucesso, Motivação, Empresários, Economia, Política, Jogadores de futebol

Buscar Palestras

 
Tema:
 
Palestrante:
 

Carlos Burle






Carlos Burle
Nascido em Recife, Pernambuco, Carlos Burle tem uma relação íntima e visceral com a água e seus movimentos. 

Ainda adolescente, enquanto a molecada da época sonhava em ser Pelé, ele preferia ficar no mar, foi quando descobriu que seu maior compromisso era com o surfe, um esporte que proporciona uma total comunhão com a natureza. Hoje, Carlos Burle é um caçador de ondas gigantes, sinônimo de conquistas dentro e fora da água para o esporte brasileiro - uma referência para todos que iniciam no surfe. Ele contribuiu para a profissionalização e a criação de novas modalidades dentro do seu esporte. Um exemplo é o tow in, onde o surfista é rebocado pro um jet ski para descer ondas enormes, ultrapassando os limites do que era possível e imaginável até seu surgimento. Além do free surf, estilo que permite ao surfista viajar em busca de ondas perfeitas sem o compromisso com competições, carreira em que ele foi o primeiro do Brasil e um dos primeiros do mundo a seguir.

Ele, aos 43 anos, já conquistou os principais títulos dentro do seu esporte. Em 1998, no primeiro Campeonato Mundial de Ondas Grandes na Remada, disputado em Todos os Santos, no México, sagrou-se campeão pela primeira vez. Na Califórnia, em 2001, surfou a maior onda de sua vida, e a maior do mundo até então, com 22,6 metros, em um local conhecido como Mavericks, algo inacreditável para a época. Este feito lhe rendeu uma menção no Guinness Book of Records e o título daquela temporada no XXL, o Oscar do surfe em ondas grandes. Foi o primeiro brasileiro, com o parceiro Eraldo Gueiros, a surfar a onda oceânica de Cortes Bank, a 100 milhas da costa de San Diego. Foi, até hoje, o único brasileiro a participar do Eddie Aikau, evento de ondas grandes que é realizado no berço da modalidade, a Baía de Waimea, na Ilha de Oahu (Havaí), e que é para atletas convidados - em sua lista principal estão apenas os 28 mais respeitados pela comunidade do big surf. E, recentemente, sagrou-se campeão do primeiro circuito mundial de ondas grandes na remada, na temporada 2009/2010. Devido a estes - e outros - feitos tão importantes, Burle quebrou barreiras e paradigmas que o surfe brasileiro enfrentava.

Foi capa de importantes publicações no país, como o jornal O Globo, foi o primeiro surfista a ir ao Domingão do Faustão da Rede Globo, figurou em inúmeras capas de revistas internacionais, entre elas a Surfer, mas importante publicação do segmento no mundo, o que nunca havia acontecido para um surfista brasileiro, além de participar em telejornais como colaborador, quando - do Havaí - mandou notícias sobre as tsunamis que ameaçam chegar ao local. Toda a experiência adquirida ao longo de sua carreira, dentro e fora da água, fez com que Burle chegasse a ser contratado como palestrante no universo corporativo, falando para empresas como Braskem, Volkswagen, Vale, Net, entre outras. Do Japão à África do Sul, passando por Havaí, Califórnia, Chile, Peru, Irlanda, Taiti, ou onde quer que uma grande tempestade se anuncie, gerando grandes ondas, que iniciam novos desafios e limites a serem ultrapassados, é onde ele se planeja para estar. Sendo um dos poucos surfistas do mundo a ter pego grandes ondas nos 6 continentes do planeta Terra. Um verdadeiro ícone do esporte no país. Carlos e sua esposa Ligia ao vivo no Havaí com seus dois filhos Iasmin e Reno Koi.
  • Campeão do Billabong Pico Alto - Primeira etapa do circuito BWWT - 2012
  • Campeão mundial de ondas grandes na temporada 2009/2010 - BWWT (Big Wave World Tour)
  • Terceiro colocado no Red Nose Tow In Championship International 2008, diputado na praia de Maresias, em São Paulo.
  • Vice campeão do Red Bull Big Waves Africa 2008.
  • Convidado para o Quiksilver Big Wave Invitational In Memory Of Eddie Aikau na temporada 2007/2008.
  • Vice campeão do primeiro circuito mundial de Tow In, na temporada 2006/2007. Organizado pela APT - Association of Professional Tow Surfers.
  • Segundo colocado no Bank of Hawaii North Shore Tow-in Surfing Championship, válido pela primeira etapa do tour mundial 2007 de tow-in da APT(Association of Professional Towsurfers), realizado na ilha de OahuHawaii, em 15 de Fevereiro de 2007.
  • Campeão do Mormaii Tow In Pro, na laje do Jaguaruna em S.C., primeiro campeonato de Tow In no Brasil em Junho de 2006.
  • Campeão do Red Bull Big Waves Africa 2005, Categoria Overall Performance.
  • Segundo lugar no Tow Surfer Awards 2003/2004, Categoria maior onda da temporada.
  • Terceiro lugar no Red Bull Big Waves Africa 2003, Cidade do Cabo, Africa do Sul.
  • Campeão do Primeiro Desafio Brasileiro de Ondas Grandes - Praia de Grumari/ RJ - Agosto/ 2003
  • Terceiro lugar no Red Bull Big Wave África - Cidade do Cabo/ África do Sul - Junho/ 2003
  • Participou da Expedição Pororoca - Surfando o Amazonas (Março/ 2003). O evento Red Bull contou com, além de Carlos Burle, os surfistas Ross Clark Jones, Eraldo Gueiros e Picuruta Salazar, totalizando sete dias de free surf na Amazônia
  • Campeão Mundial do Nissan XXL 2002 - Maior onda surfada na temporada com 68 pes(22 metros), e considerada a maior onda já registrada de todos os tempos ate então.
  • Terceiro lugar no WORLD CUP TOW IN - Jaws - Hawaii - 2002
  • Segundo lugar no BIG TRIP 2002
  • Convidado para participar do Red Bull Reef Seekers, o primeiro campeonato de Tow-in no mundo, realizado nas perigosas e geladas águas da Tasmânia, naAustrália - 2000

Palestra

Foi com esse histórico e falando sobre todas as adversidades que enfrentou para chegar até o sucesso que Carlos Burle explicou aos estudantes presentes qual p significado do esporte na vida profissional e pessoal. Para ser sincero, eu nunca tive o sonho de ser surfista profissional. Sempre gostei muito de estar em contato com a natureza e isso me aproximou do mar e, consecutivamente, do surf. Eu não faço o que gosto, eu aprendi a gostar do que faço e isso virou uma paixão, é tudo questão de saber aproveitar as oportunidades que a vida te dá, falou.

Ainda de acordo com Burle, é muito prazeroso e emocionante estar de volta ao Estado onde tudo começou. Para mim é muito importante ter essa conexão direta com meu Estado, com minhas raízes. Venho anualmente para rever meus amigos e familiares, destacou.

Estar no Cabo é muito significante. Tudo começou aqui, quando tinha dois anos viemos morar numa granja que meu pai possuía aqui e o contato com a natureza era muito intenso. Hoje estou aqui para palestrar, trocar experiências e aprender com os alunos da região. Não tenho palavras para definir minha emoção e gratidão por poder ter essa oportunidade, afirmou, Burle.

A palestra foi uma iniciativa da Prefeitura do Cabo, em parceria com a Empetur, Secretaria de Turismo, Governo de Pernambuco e Federação Pernambucana de Surf.

Para o secretário Executivo da Juventude e Esportes do Cabo, César Paiva, a palestra ministrada pelo surfista serviu, entre outros motivos, para reafirmar que é possível sair de uma região que sofre constantemente com o preconceito e ir mais longe, até se tornar o melhor no esporte que disputar. A palestra de hoje é fundamental para que os esportistas do Cabo entendam que é possível, e o melhor, é provável, que consigam chegar tão longe quanto almejam. Basta que haja dedicação e foco. Carlos Burle é um exemplo disso, saiu de Pernambuco e foi em busca dos seus sonhos e objetivos. Hoje, ele é o maior surfista de ondas gigantes do mundo, comentou.



Global Palestras
Global Palestras 2017
Todos Direitos Reservados
Redes Sociais

Facebook Twitter